Quais cuidados devo ter ao mandar nudes?

nudes

A internet trouxe para todos nós oportunidades como nenhum outro momento da história foi capaz de trazer. De conhecimento, interação a novas descobertas, é por meio da rede mundial de computadores que conversamos com parentes distantes, fazemos compras (dos mais diferentes tipos de produtos) e até conhecemos outros países e pessoas.

É com a internet que também descobrimos muito mais sobre o sexo. Hoje marcar encontros é muito mais fácil e seguro. Seja para paquera ou exclusivamente para transar sem compromisso, basta ter um celular, tablet ou um computador conectado à rede e voilá!
Você pode escolher seu par (ou pares) ideal, combinar encontros de acordo com preferências, fetiches, e tudo com o máximo de sigilo e prazer.

Com essa praticidade e liberdade também vieram os riscos. Quem não curte mandar uma foto sensual para esquentar o papo, não é mesmo?

Pois bem, todo cuidado é pouco quando o assunto é se exibir na internet, inclusive já existe uma lei que torna a distribuição não autorizada de fotos íntimas crime. Apelidado de lei “Carolina Dieckmann”, a lei 12.737 que vigora desde 2012 torna crime a invasão de aparelhos eletrônicos para obtenção de dados particulares. Mesmo depois disso outros famosos, como Stênio Garcia e Scarlett Johansson passaram pelo problema de fotos íntimas vazadas, todas ilegalmente.

Veja também:  Jorrar, farejar, gozar: três verbos que amo celebrar para as mulheres!

Mas e aí, quais cuidados devo ter ao mandar nudes e marcar aquele sexo gostoso?

Falamos com nosso parceiro Sexlog.com, e Gustavo Ferreira, responsável pelas mídias sociais da rede, nos deu algumas dicas sobre o assunto:

1 – Não quer aparecer, não mostre o rosto ou alguma coisa que possa te identificar
Quer mostrar a piroca ou a xoxota… todos adoramos! Se não quiser ter sua identidade revelada recomendamos sempre que não mostre o rosto, claro, mas também algumas coisas que possam te entregar: porta-retratos, espelhos que reflitam algo da sua casa ou identifique você.
Ah, também é legal ter precaução com tatuagens ou marcas de nascença. Hoje em dia você consegue fazer modificações em programas online de tratamento de imagens.

2 – Cuidado com redes wi-fi abertas
Rede abertas sem senha são um perigo quando o assunto é falar sobre intimidades. Em alguns casos elas existem para monitorar experiências de usuários e isso pode ser um risco se utilizá-las para fazer transações bancárias ou curtir suas sacanagens. Se tiver dúvida, pergunte ao dono do estabelecimento se a rede é realmente dele, peça a senha e confirme também o endereço de IP… não custa nada garantir sua segurança.

Veja também:  Sexo depois da maternidade: 45% das mulheres relatam mudança na vida sexual

3 – Vale a pena conversar um pouco mais antes do “vamos ver”
Há quanto tempo você conversa com o cara ou a gata que está combinando o encontro?
Assim como na vida real, na virtual existem pessoas querendo te sacanear (e isso não é no sentido legal da palavra). Vale a pena esperar um pouquinho, descobrir se a pessoa é ela mesma, se ela está realmente interessada no que você procura para não levar um susto!
Evite mandar seus nudes logo de cara, converse um pouco, descubra um pouco mais sobre ela e só depois envie algo mais comprometedor.

2 Gosto!
0 Não gosto!

Um comentário

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *