Como saber se você está preparado para o Swing?

O swing é sempre um assunto muito polêmico, né? Afinal, as pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre essa prática sexual liberal e, até mesmo, julgam quem pratica a troca de casais. Vem ler mais!

Como saber se você está preparado para o Swing?
Sexlog

O swing é sempre um assunto muito polêmico, né? Afinal, as pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre essa prática sexual liberal e, até mesmo, julgam quem pratica a troca de casais.

Para quem não sabe, o swing é quando o casal decide que quer incluir mais de uma pessoa na relação, geralmente outros casais. Mas, isso não impede que solteiros também participem. Toda essa “brincadeira” acontece, na maioria das vezes, em casas de swing e também festas privativas. Para tirar algumas dúvidas, a Mayumi Sato levou uma convidada especial, a Camilia, para falar do assunto no Sexlog TV. Vem ver!

Quais as principais dúvidas sobre swing

Camilia é idealizadora da comunidade liberal voluptas, que é uma comunidade secreta formada por pessoas interessadas nesses assuntos mais liberais. Na comunidade, Camila  promove festas privadas para os seus participantes, onde eles podem praticar o Swing livremente e de forma descontraída, mais à vontade.

Porém, como muitas pessoas se interessam pelo assunto, mas  não sabem como começar essa prática liberal, Camilia resolveu criar palestras para casais e singles que  gostam do assunto e querem mais informações e também os ajudam a descobrir se é isso mesmo que eles querem realmente e se estão prontos. Além disso, dá dicas de como acontece essa prática, etapas e cuidados, para que as pessoas fiquem cientes do que pode acontecer durante a troca de casais e já fiquem preparados para o ato.  Afinal, o swing não é apenas festas liberais. É muito mais do que essa curtição e momento de prazer.

Camila  ressalta que o Swing não é apenas uma festa liberal e não acontece apenas em ambientes assim, mas que se você quer começar a praticar,  é sempre importante que você vá à casas de swing para ver como funciona, pois quando se observa pessoas no meio liberal, é possível definir o que gosta, o que tem vontade e o que você realmente quer.

Sobre o swing e seus tabus

O swing, por ser uma prática liberal, às vezes pode ser confundido com outras coisas, gerando comentários desnecessários. As pessoas confundem sexo com traição, achando que quem participa do meio liberal está traindo seu parceiro, pois se relaciona intimamente com outras pessoas.

Também acham que as pessoas só entram no swing porque elas desejam outras pessoas, mas não é isso. Muitas recorrem à essa prática para se descobrir e apimentar a relação do casal, mas nada que envolva intuitos de traição e assuntos relacionados. Este é um momento de cumplicidade do casal, para juntos conhecerem coisas novas.

Quer mais dicas de swing e saber mais sobre o assunto? Assista o vídeo completo no Sexlog TV:

banner_728banner_728banner_728banner_728

Um comentário

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *