DATE RUIM: 5 conselhos que eu gostaria de ter ouvido depois ter um

DATE-RUIM

Esse post é pra você que, em algum date ruim, desejou que aquele ser humano, sentado bem na sua frente, se transformasse em um enorme-recheado-delicioso-crocante pedaço de pizza. Dedicado a você que voltou pra casa, inconsolável, dizendo: por que comigo? Estes são os meus conselhos no melhor estilo abraço-virtual.

1) Plena e mais interessante do que nunca
Vamos combinar que o primeiro encontro, principalmente se é primeira vez que você vê a pessoa na sua vida (alô #bondedotinder), tende a ser meio esquisitinho, pelo menos nos primeiros trinta minutos. Ok, a gente releva. Mas às vezes não rola mesmo. O papo é torto, os assuntos não rendem e o silêncio mortal invade. Mesmo depois de ter tentado algumas horas você olha pro relógio e só passou uns 15 minutos: socorro!

No dia seguinte você acorda com aquela sensação horrível de que vacilou. E aquela hora que o silêncio reinou e você não fez nada? Pior pessoa. Respira e vem comigo! Psiu, um encontro (assim como qualquer relação) é feito de, no mínimo, duas pessoas… Logo… Metade da responsabilidade pra cada. Se o date foi ruim e o papo não rendeu não é você que, automaticamente, passa a ser uma pessoa desinteressante. Só não rolou. Você segue plena e interessantíssima, ok? Ok!

2) Nem sempre o João Bidu vai te salvar, aceite
Que atire a primeira pedra aquela que nunca acessou o João Bidu, apostando todas as fichas na combinação perfeita do teu signo com o do boy–girl e foi plena-dona-de-si-e-do-mundo achando que seria, sem erro, o date da sua vida: mas não foi. É, às vezes o horóscopo não nos dá imunidade a pessoas babacas e/ou incompatíveis com nosso jeitinho. Tá tudo certo. Existe um zodíaco inteiro para ser testado. Seguimos!

3) Beijar não salva date ruim: fuja!
Ponto! OK, OK. Eu entendo que, principalmente se é um encontro advindo dos famigerados apps de relacionamento, fica ali aquela “nuvenzinha da pressão”. E, cá entre nós, papo honesto: já beijei muitos caras só porque ‘’ia ficar chato, né?” Mas eu me arrependi muito, acredite. E, nesse papo de amiga, quero tentar te livrar dessa bad. Se o encontro inteiro foi um enorme ponto de interrogação (sendo gentil), eu juro-de-pé-junto que um beijo não irá salvar. Além do que, o outro pode também não estar afim, né? Pensa que é um livramento e só se despede. Ufa! Acabou! Próximo!

4) Eu preciso mesmo dormir cedo hoje
A gente bem queria só subir a janelinha como a RiRi, mas não dá né? No entanto, temos soluções paliativas. Você se programou pra um encontro de fim de tarde pra emendar a noite, caso fosse sucesso. Mas não foi. Recalcule a rota e saia de fininho. Você não é obrigada a nada, quem dirá passar mais horas que o necessário num date ruim, né? Deixe de lado as etiquetas sociais e só proponha ir embora. Não tô falando de grosseria e nem de fingir ir ao banheiro e nunca mais voltar (risos-de-quem-já-foi-embuste-e-fez-isso), mas tente ser gentil e falar que precisa mesmo ir embora mais cedo que o previsto. Beijo. Tchau.

5) Não foi o primeiro e, provavelmente, não será o último
Minha intenção com esses “conselhos” é amenizar todos os efeitos colaterais de um date ruim. Infelizmente (ou não), nós ainda não temos imunidade a algumas situações constrangedoras, né? E tudo bem, porque são essas histórias que fazem a gente amadurecer e, cada vez mais, saber direitinho o que a gente gosta e o que não. No mais, vale aquela máxima “eu não sou obrigada a nada nessa vida” e não é mesmo, quem dirá a engolir, na boa, a um date ruim.

Deixe de lado as etiquetas sociais e faça exatamente tudo o que for necessário para se sentir bem (tanto quanto possível, rs).

comentários

  1. Nossa, amei! Ótimos conselhos para nós do "Bonde do Tinder" haha É incrível esse ar esquisito que sempre rola no começo e muito bom saber que alguém já até fingiu que ia no banheiro e fugiu do date! Isso dá mais forças pra gente ter coragem de sair fora! 🙏

  2. maravilhoooooooooso <3 vou dar dessas de ir ao banheiro e nunca mais voltar também ahaha

  3. Amei tb! É isso mesmo. Mas estou sem sorte. Só date ruim.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *