72% dos brasileiros já leram livros eróticos, aponta pesquisa

Quem nunca ficou curioso sobre o conteúdo de livros eróticos e decidiu partir para a leitura? Quando você lê um conteúdo erótico, você o imagina do jeito que quiser e consegue montar várias fantasias com isso

brasileiros-ja-leram-livros-eroticos

Quem nunca ficou curioso sobre o conteúdo de livros eróticos e decidiu partir para a leitura? Quando você lê um conteúdo erótico, você o imagina do jeito que quiser e consegue montar várias fantasias com isso, diferentemente de ver um conteúdo explícito por aí na internet que já tem uma imagem formada e não passa do que está ali.

Livros eróticos permitem a expansão da criatividade. Quando você lê um livro, seja do que for, você começa criar a imagem na sua mente e viver aquele momento, e por aí vai. Você se desliga. Você viaja para outra dimensão. Você sente tudo. Imagina então, a leitura erótica. Pode ser melhor que assistir algum pornô, já que você imagina e vê o que tem mais a sua cara.

A leitura erótica entre os brasileiros

O Sexlog, maior rede social adulta da América Latina, fez uma pesquisa para saber quais são as preferências dos brasileiros e, claro, os livros eróticos não ficaram para trás. De acordo com a pesquisa, 72% dos brasileiros já leram algum livro erótico e 95% deles afirmaram que histórias eróticas aumentam o desejo e a criatividade sexual.

Entre as obras mais lidas pelos respondentes está o best-seller 50 Tons de Cinza (pra variar!), da autora E.L James, com 51,5% das respostas. Além disso, 59% disseram já ter tido fantasias eróticas com os personagens das histórias que leram. Os estados que mais preferem livros eróticos são: Bahia (43,23%), Minas Gerais (40,04%), Paraná (43,04%), Pará (42,11%), Rio Grande do Sul (41,61%) e  Pernambuco (39,55%).

Conheça alguns livros eróticos

Além de fazer essa pesquisa, o Sexlog também montou uma lista com os melhores livros eróticos dos últimos anos:

– Peça-me o que quiser ou deixe-me – Megan Maxwell

– Pornô Chic – Hilda Hilst

– A Vida Sexual de Catherine M. – Catherine Millet

– A Casa dos Budas Ditosos – João Ubaldo Ribeiro

– Toda Sua – Sylvia Day

– O Inferno de Gabriel – Sylvain Reynard

– Afrodite – Isabel Allende

– O Teatro de Sabbath — Philip Roth

– 120 Dias de Sodoma — Marquês de Sade

– Trópico de Câncer — Henry Miller

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *